sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Guia de Episódios - Gotham

Gotham 1.01 - Pilot
Muito bom esse primeiro episódio dessa nova séria da Warner. A primeira cena já mostra que teremos coisa muito boa pela frente. O garoto Bruce Wayne sai do cinema ao lado dos pais e são encurralados em um beco escuro e deserto. O suposto assaltante acaba matando os dois. Se você conhece a mitologia do Batman sabe muito bem que esse é o ponto de partida decisivo de toda a sua vida. Depois desse crime terrível finalmente surge Jim Gordon (Ben McKenzie). Ele é um novato no departamento de polícia da cidade. Idealista e honesto, Gordon promete ao jovem Bruce Wayne que irá desvendar esse crime (mal sabendo que no futuro ambos serão grandes parceiros na luta contra o crime!). O roteiro desse episódio piloto foi muito bem escrito pois vai introduzindo todos os grandes personagens e vilões do universo de Batman de forma muito sutil e inteligente. Ainda jovens e no começo de suas carreiras criminosas lá estão o Pinguim, a Mulher-Gato, o Charada (que passa despercebido de muitos) e o infame mafioso Carmine Falcone (também muito bem explorado na nova saga em quadrinhos "Batman Eterno"). O ator que intepreta Gordon (futuro comissário da cidade) é o conhecido Ben McKenzie. Não se lembra dele? Ora, apesar de ainda ser bem jovem já é um veterano de boas séries de TV desde "The O.C", passando pela mais recente "Southland", onde também interpretava um policial em uma cidade repleta de crimes e violência. Curiosamente não é o primeiro trabalho do ator envolvendo Batman, pois ele dublou o famoso personagem na elogiada animação "Batman: Ano Um" em 2011. Pelo jeito tomou gosto por esse universo. No saldo geral gostei de praticamente tudo, dos figurinos, da direção de arte primorosa, do elenco, do bom enredo e principalmente pelos pequenos detalhes que vão surgindo aos poucos, fazendo com que o fã do Homem-Morcego se sinta verdadeiramente desafiado a ir juntando todas as peças. Realmente, pelo que se vê aqui, essa série promete e muito! Das novas que estão pintando na programação é certamente uma das mais promissoras. / Gotham 1.01 - Pilot (EUA, 2014) Direção: Danny Cannon / Roteiro: Bruno Heller, Mitch Brian / Elenco: Ben McKenzie, Jada Pinkett Smith, Donal Logue.

Gotham 1.02 - Selina Kyle
Há um novo temor em Gotham City. Um estranho casal está recolhendo crianças abandonadas pelas ruas. Sorridentes, chegando oferecendo guloseimas e doces, eles atraem as crianças e depois as levam, sem que ninguém saiba exatamente do que se trata. Entre os adolescentes que viram alvo está justamente a jovem Selina, que prefere ser chamada de "Cat" (sim, estamos na presença da futura Mulher-Gato). Interpretada pela atriz Camren Bicondova, ela se torna a única a escapar das garras desses criminosos. Enquanto isso o mordomo Alfred procura novamente pelo policial James Gordon (Ben McKenzie). Ele deseja que Gordon tenha novamente uma conversa com o garoto Bruce Wayne que começa a desenvolver um estranho comportamento, desafiando o medo e a dor com exercícios de resistência, como colocar sua própria mão em uma vela acessa. A vida de Gordon inclusive anda bem movimentada. Ele está de namoro com a riquinha Barbara, que indiretamente o usa para conseguir furos de notícias no jornal onde trabalha. Já no mundo do crime o mafioso Carmine Falcone (John Doman) resolve enfrentar frente a frente Fish Mooney (Jada Pinkett Smith). Os rumores que ela estaria prestes a derrubá-lo teriam algum fundamento? E o que falar de Oswald Cobblepot (Robin Lord Taylor)? Com andar esquisito que lhe valeu o apelido de Pinguim, ele precisa retornar para Gotham após cair no lago da cidade. Depois de várias horas andando pela estrada acaba conseguindo carona de dois jovens estudantes. Péssima ideia por parte deles. Assim que entra no carro ele dá execução a mais uma atividade criminosa, matando um deles, para depois pedir um gordo resgate pelo sobrevivente. Assim temos mais um bom episódio dessa série que ao que tudo indica veio mesmo para ficar. / Gotham 1.02 - Selina Kyle (EUA, 2014) Direção: Danny Cannon / Roteiro: Bruno Heller  / Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Gotham 1.03 - The Balloonman
Eticamente falando Gotham City mais se parece com uma lata de lixo. Os políticos são corruptos, os juízes corrompidos e os policiais extremamente mal vistos pela população. No meio de tanta desilusão e falta de esperanças não é de se espantar que comecem a surgir vigilantes pela cidade, entre eles aquele chamado pela imprensa de Balloonman (O Homem-Balão). Estranho nome não é mesmo? Sim... acontece que ele prende a escória de Gotham em um balão e os deixa subir até a estratosfera, onde obviamente morrem por falta de oxigênio. Para Gordon (Ben McKenzie) nada justifica esse tipo de comportamento pois a justiça feita pelas próprias mãos vai contra a letra da lei. Ele acredito que isso é um reflexo da podridão moral que reina em todos os cantos da cidade. Enquanto isso Oswald Cobblepot (Robin Lord Taylor), o Pinguim, está de volta à cidade. Assim que chega presencia todos os tipos de atos ilegais, assaltos, policiais recebendo propina, furtos e tudo o mais que se possa imaginar. Obviamente sente-se em casa novamente já que ele tem uma mente deteriorada, sem quaisquer valores morais. Por enquanto porém ele ainda está longe de seus dias de glória no submundo do crime e resolve ganhar uns trocados como copeiro em um restaurante italiano. Lá acaba conhecendo Sal Maroni, um mafioso que parece ter saído direto de uma reunião da cosa nostra. Se você acompanhou Dexter vai reconhecer de imediato o ator David Zayas que interpreta esse personagem. Não lembra muito dele? Sim, é o próprio Sargento Angel Batista da Miami Metro Police do seriado sobre o mais famoso serial killer da TV. Por fim a adolescente Cat (a futura Mulher-Gato) acaba passando a perna em Gordon, o deixando literalmente afundado em um bueiro de esgoto. Certos hábitos felinos já parecem nascer com as pessoas... / Gotham 1.03 - The Balloonman (EUA, 2014) Direção: Dermott Downs / Roteiro: Bruno Heller, John Stephens / Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Gotham 1.04 - Arkham
Quem acompanha as sagas do Batman sabe muito bem que o asilo Arkham é o terrível hospício para onde são levados todos os criminosos insanos de Gotham City. Por lá já estiveram o Coringa, o Charada, a Mulher Gato e todos os demais vilões malucos que povoam o universo do Homem Morcego. Pois bem, nesse episódio dois mafiosos disputam entre si para dominar o lugar onde Arkham está localizada. É o último bairro a ser explorado economicamente em Gotham e os planos do prefeito em modernizar aquela instituição - ou até mesmo transferi-la de lugar, acaba acirrando os ânimos entre os criminosos da cidade, pois todos eles querem levar seu pedaço nessa transação. Como se sabe Gotham parece com o nosso Brasil, sendo que praticamente todos os políticos são corruptos e as instituições públicas, como a própria prefeitura, parecem corrompidos até a alma pela lama da corrupção desenfreada. Por falar nisso o policial James Gordon (Ben McKenzie) é designado para investigar a morte de vários vereadores da cidade, todos eles envolvidos de alguma forma com o crime organizado (não disse que se parece muito com nosso querido país?). Na outra ponta narrativa Oswald Cobblepot (Robin Lord Taylor), mais conhecido por Pinguim, começa a subir lentamente dentro da hierarquia criminosa da quadrilha de Sal Maroni (interpretado pelo excelente David Zayas, o desde já eterno Sgt. Angel Batista da maravilhosa série "Dexter"). Então basicamente é isso. Um bom episódio que mantém o bom nível dessa inovadora transposição do universo Batman para a TV. Ah... e antes que me esqueça: há um hitman (assassino profissional) muito interessante nesse episódio, um sujeito frio e calculista que mata com requintes de crueldade, usando de uma arma toda singular. / Gotham 1.04 - Arkham (EUA, 2014) Direção: T.J. Scott / Roteiro: Bruno Heller, Ken Woodruff/ Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz, David Zayas.

Gotham 1.05 - Viper
Há uma nova droga nas ruas de Gotham City chamada Viper. Aquele que a toma começa a ter uma força fora do normal, porém o efeito não dura muito e em pouco tempo toda a estrutura óssea do viciado se transforma em pó. Algo bem devastador. Mais um problema sério surgido dentro do mundo da criminalidade que James Gordon (Ben McKenzie) precisa lidar. As investigações porém reservam mais surpresas do que era de se esperar, uma vez que o produto parece ter sido criado dentro das próprias empresas Wayne, revelando um submundo de corrupção ignorado até mesmo pelo jovem Bruce Wayne (David Mazouz) que, apesar de ser apenas um garoto, começa a se preocupar profundamente com os rumos da empresa que seu pai lhe deixou como herança e legado. Esse episódio é muito interessante e de forma indireta conta a estória do surgimento do vilão Bane, aquele fortão com super força que acabou se destacando até mesmo nos filmes de Batman no cinema. No mais, os roteiristas novamente exploram a subida ao mundo do crime do Pinguim (Robin Lord Taylor), aqui ainda um jovem inexperiente, lavador de pratos, numa das cantinas do chefão mafioso Sal Maroni (David Zayas). Ambicioso e mal caráter, ele está determinado a subir na hierarquia do crime de Gotham. Quem diria que uma origem tão humilde criaria um dos melhores inimigos da mitologia do homem-morcego? Pois é... / Gotham 1.05 - Viper (EUA, 2014) Direção: Tim Hunter / Roteiro: Bruno Heller, Rebecca Perry Cutter/ Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Gotham 1.06 - Spirit of the Goat
Dez anos antes Gotham City foi assolada por um estranho criminoso, um sujeito que afirmava estar possuído pelo "Espírito do Bode", uma entidade satanista que exigia sangue humano em rituais de magia negra e morte. Depois de uma caçada implacável o detetive Harvey Bullock (Donal Logue) finalmente conseguiu colocar as mãos no maníaco. Agora, uma década depois, ele precisa lidar com o mesmo tipo de modus operandi do passado. Estaria o assassino de volta? Impossível, já que ele havia sido morto pelo próprio Bullock. As vítimas agora são jovens de famílias ricas, herdeiros de verdadeiros impérios industriais da cidade. As investigações apontam para a existência de um copycat (assassinos que matam suas vítimas imitando velhos modos de execução de psicopatas do passado, geralmente o fazendo como uma maneira de "homenagear" seus "ídolos" no mundo do crime e da perversão). Bom episódio da série Gotham, com enredo fechado em si mesmo, o que deixa a brecha aberta para quem quiser assistir sem necessariamente ter assistido a todos os demais episódios. O roteiro abre possibilidades interessantes, entre elas a existência de uma possessão do demônio que se repetiria ao longo do tempo. Será mesmo? Ou apenas se está diante da mente muito perturbada de alguém que deseja reviver todos aqueles crimes? Só vendo para conferir. PS: a solução de toda a trama é muito boa, mas carece de um clímax mais empolgante. / Gotham 1.06 - Spirit of the Goat (EUA, 2014) Direção: T.J. Scott / Roteiro: Bruno Heller, Ben Edlund/ Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Gotham 1.07 - Penguin's Umbrella
Mesmo a passos de tartaruga sigo acompanhando "Gotham". Acredito que essa série vai responder a uma questão crucial: Será que uma série que se passa no universo de Batman, com todos os clássicos vilões, mas sem a presença do super-herói, pode realmente dar certo? "Gotham" é passada logo após a morte dos pais de Bruce Wayne e ele é apenas um garoto. O Pinguim, por exemplo, é também apenas um jovem que deseja subir na hierarquia do mundo do crime. E é justamente em cima dele que se desenvolve o enredo desse episódio. Oswald Cobblepot (o nome real do famoso vilão) é interpretado pelo bom ator Robin Lord Taylor. Ele é uma figura estranha, com cabelos sem forma e o famoso andar que lhe valeu o seu mais conhecido apelido. Dentro da criminalidade ainda não é ninguém. Na superfície parece trabalhar para o gangster Sal Maroni (David Zayas), mas na verdade está sob as ordens do rival Carmine Falcone (John Doman). É um informante que repassa informações importantes para a outra quadrilha. Esses dois chefões mafiosos vieram inclusive diretamente do mundo dos quadrinhos. Como Gotham City é um poço de crime e corrupção não poderia haver a ausência de tipos como esses. O próprio Falcone aliás resolve sequestrar a bela Barbara Kean (futura esposa do inspetor Gordon) para lhe pressionar diretamente. Numa das melhores cenas o próprio James Gordon (Ben McKenzie) é intimidado dentro da central de polícia, mostrando que as instituições não andam muito bem na cidade. Assim "Gotham" vai prendendo nossa atenção. Não diria que se tornará um grande sucesso e nem que terá muitas temporadas pela frente (justamente pela ausência do Batman), mas que é no mínimo um bom programa para se assistir no fim de semana, isso certamente é. / Gotham 1.07 - Penguin's Umbrella (EUA, 2014) Direção: Rob Bailey / Roteiro: Bruno Heller / Elenco:  Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz, John Doman, Robin Lord Taylor, David Zayas.

Gotham 1.08 - The Mask
James Gordon (Ben McKenzie) tem um novo caso para resolver. Um jovem recém formado, que há tempos vinha procurando por emprego no ramo das finanças de Gotham, é encontrado morto na rua. Os ferimentos comprovam que sua morte foi violenta. Aos poucos Gordon vai descobrindo que dentro do mercado de ações impera realmente uma competição feroz e desumana e não, não estamos nos referindo apenas ao lado mais cruel do capitalismo selvagem americano. Enquanto Gordon tenta localizar os responsáveis pela morte do jovem a cidade fervilha dentro do mundo do crime. Oswald Cobblepot (Robin Lord Taylor) entra em um espiral de traições e conspirações envolvendo os principais líderes criminosos da cidade. Jurado de morte por Fish Mooney (Jada Pinkett Smith) ele escapa da morte por causa da intervenção do chefão mafioso Carmine Falcone. Já para o pequeno Bruce Wayne, ainda uma criança fragilizada e traumatizada pela morte dos pais, a vida na escola não anda nada fácil. Vítima de intimidação e bullying pelos colegas, ele precisa aprender rápido a se defender, algo que contará com o apoio do fiel mordomo Alfred. Uma verdadeira chama inicial do que viria a se transformar nos anos seguintes. Por fim, a garota Selina Kyle, futura Mulher-Gato, é pega no flagrante por tiras ao tentar sair pelas ruas com uma coleção de roupas de pele. Pelo visto desde a adolescência ela já não era uma moça de fino trato! Mais um bom episódio de "Gotham", onde vários personagens clássicos da saga do Batman surgem em suas origens. O Pinguim, por exemplo, nada mais é do que um jovem aspirante ao topo do mundo do crime. Pela boa produção e pelos roteiros cheios de referências a série é uma boa pedida para o fim de semana. / Gotham 1.08 - The Mask (EUA, 2014) Direção: Paul A. Edwards / Roteiro: Bruno Heller, John Stephens / Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Gotham 1.09 - Harvey Dent
Nesse episódio a série "Gotham" apresenta o vilão Duas-Caras. Na história da série, passada ainda quando Bruce Wayne é apenas um garotinho, Harvey Dent nada mais é do que um jovem promotor com acessos de ira. Ele quer encurralar um figurão da cidade, um empresário bilionário, e não mede esforços para conseguir seus objetivos. Sempre com uma moeda nas mãos, com duas faces iguais, cabelo engomadinho, ele já demonstra claramente alguns sinais de desequilíbrio mental que iriam se tornar a marca registrada do vilão dentro da mitologia do Batman. Outro aspecto curioso vem da aproximação entre Selina Kyle (a futura Mulher-Gato, interpretada pela gatinha Camren Bicondova) e o adolescente Bruce Wayne (David Mazouz). Ela é levada para a mansão da família Wayne por James Gordon (Ben McKenzie) pois o detetive está apostando todas as suas fichas nela como a principal testemunha para localizar o assassino dos pais do jovem Wayne. Claro que logo pinta um romancezinho entre eles. No outro arco narrativo o policial ainda precisa deter a ação de um jovem especializado em explosivos. Após ele destruir mais de dez prédios em Gotham City é finalmente capturado, mas logo depois é solto pela ação de um quadrilha que o liberta enquanto está sendo transferido da prisão. Ao que tudo indica seria um grupo criminoso formado apenas por russos que seguiria as ordens do mafioso Falcone. "Harvey Dent" é um bom episódio de origens, para ir introduzindo novos personagens clássicos na série de TV. Não há nada de muito marcante, porém a paquera entre Wayne e Selina acaba se tornando a melhor coisa do roteiro. Afinal de contas esse seria o começo de um caso amoroso dos mais complicados do mundo dos quadrinhos, um caso clássico de amor e ódio que nunca consegue se definir direito, mesmo após longos anos. Um amor mal resolvido que não deixa de ser também cativante. / Gotham 1.09 - Harvey Dent (EUA, 2014) Direção: Karen Gaviola / Roteiro: Bruno Heller, Ken Woodruff / Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Gotham 1.10 - Lovecraft
Selina Kyle (Camren Bicondova) acaba sendo alvo de criminosos que invadem a mansão Wayne para colocar as mãos nela. Acontece que Selina sabe demais. Ela é provavelmente a única testemunha da morte dos pais do garoto Bruce Wayne (David Mazouz) e por essa razão se torna imperativo pegá-la. Ela, fazendo jus ao fato de ser a futura Mulher-Gato, consegue escapar ao lado de Bruce. Acabam indo parar em um velho depósito abandonado da cidade onde moradores de rua, órfãos abandonados e pessoas sem rumo se encontram todos os dias. É justamente lá que Bruce encontra pela primeira vez Ivy Pepper (Clare Foley), uma garotinha ruiva. Não está ligando o nome à pessoa? No futuro ela se tornará uma das vilãs mais conhecidas do universo Batman, a Hera Venenosa. Pois bem, enquanto Bruce e Selina conhecem o lado menos glamourosa de Gotham City, o policial James Gordon (Ben McKenzie) também passa por apuros. Ao mexer com um figurão da cidade acaba enfurecendo o prefeito. Como punição acaba sendo enviado para ser guarda no manicômio e asilo Arkham, onde estão presos alguns dos mais loucos e infames criminosos da cidade - o que certamente também abrirá novos rumos para a série. Em suma, Gotham continua muito interessante de se acompanhar, principalmente pelo fato de ser uma série muito bem produzida, com direção de arte de extremo bom gosto. Tudo muito comum nas produções da Warner Bros. O padrão de qualidade típico do estúdio se faz presente em praticamente todas as cenas. Uma questão de bom gosto, acima de tudo. / Gotham 1.10 - Lovecraft (EUA, 2014) Direção: Guy Ferland / Roteiro: Bruno Heller, Rebecca Dameron/ Elenco: Ben McKenzie, Camren Bicondova, Donal Logue, David Mazouz, Clare Foley.

Gotham 1.11 - Rogues' Gallery
E a primeira temporada segue em frente. Rebaixado depois de tentar causar problemas a um figurão da cidade (pensava que a corrupção só existia no Brasil?) o policial James Gordon (Ben McKenzie) vai parar no Asilo Arkham. O lugar é o inferno na Terra, para onde são levados todos os criminosos loucos e psicopatas de Gotham City. Muito explorado nos quadrinhos (e até em games) esse sinistro manicômio é o pior lugar de trabalho para um tira na cidade. E assim que coloca os pés por lá Gordon descobre que terá muitos problemas. Um interno é encontrado eletrocutado misteriosamente. Imediatamente Gordon começa a investigar quem teria cometido o crime, mas as coisas não são exatamente claras naquele lugar esquecido por Deus. Fora dos muros daquele insano hospício, explode uma verdadeira guerra pelo poder no submundo da cidade. No centro de tudo está Fish Mooney (interpretada por uma Jada Pinkett Smith cada dia mais exagerada em cena). Finalizando o episódio o roteiro ainda explora a amizade entre Selina Kyle (Camren Bicondova), a futura Mulher-Gato, e uma garotinha ruiva que ela encontra abandonada pelas ruas, no meio da chuva, tentando sobreviver entre latas de lixo. Essa menina daria origem anos depois à Hera Venenosa, outra conhecida vilã do universo Batman. Então é isso, mais um bom episódio de "Gotham" que nunca perde seu charme gótico. / Gotham 1.11 - Rogues' Gallery (EUA, 2015) Direção: Oz Scott / Roteiro: Bruno Heller, Sue Chung / Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Gotham 1.12 - What the Little Bird Told Him
Os brutos também amam. O mafioso e assassino Carmine Falcone (John Doman) está pensando erroneamente que vive um grande amor em sua vida. Finalmente na velhice ele teria encontrado a paixão que tanto desejava. Que nada! A jovem bailarina Lisa, fruto de sua afeição, nada mais é do que uma infiltrada em seu reino do crime. Quem a enviou para lá foi Fish Mooney (Jada Pinkett Smith), a dona de um night club que deseja controlar o submundo de Gotham. Ela moldou uma personalidade falsa na garota, tentando imitar o jeito de ser da própria mãe de Falcone. Um golpe baixo, vamos convir. Quem alerta o chefão da armadilha é justamente o jovem Pinguim (Robin Lord Taylor). Depois de entender que foi vítima de uma cilada, Falcone parte para sua vingança. Na outra linha narrativa o tira Gordon (Ben McKenzie) tem 72 horas para colocar atrás das grades uma dupla de maníacos fugitivos do asilo Arkham (que ficou famoso nos quadrinhos por ser o "lar" do Coringa e outros vilões malucos do Batman). Se conseguir pegar os criminosos que fugiram de Arkham, Gordon (sim, o futuro comissário Gordon, braço direito do Homem Morcego) finalmente voltará a trabalhar no departamento de polícia da cidade. Aqui temos outro bom episódio dessa série que tem uma das melhores direções de arte da TV americana. Dá gosto de ver seu visual requintado e caprichado. / Gotham 1.12 - What the Little Bird Told Him (EUA, 2015) Direção: Eagle Egilsson / Roteiro: Bruno Heller, Ben Edlund, baseado nos personagens criados por Bob Kane / Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Gotham 1.13 - Welcome Back, Jim Gordon
No episódio anterior o mafioso Falcone descobre que o grande amor de sua vida - uma jovem garota pelo qual ele se apaixonou - não passou de uma cilada armada por Fish Mooney. Sua vingança toma forma aqui. Ele manda seu capangas pegarem Fish e uma sessão de tortura começa. Enquanto isso o Pinguim se delicia como o novo proprietário da boate que um dia pertenceu a Fish. A questão é: Tudo ficará tão barato assim? Enquanto isso James Gordon descobre que um de seus informantes foi pego. Pendurado e enforcado, Gordon descobre que há muito mais envolvido com sua morte, inclusive a corrupção de figurões da própria polícia! Por fim, para fechar o episódio o jovem Bruce Wayne vai atrás de Selina (a futura Mulher Gato). Ele obviamente tem uma quedinha por ela, mas como logo é demonstrado ir atrás da garota acaba não sendo uma das melhores ideias. Bom episódio de "Gotham", uma série que faz jus ao legado do universo Batman. Uma das melhores já feitas para a TV - e isso definitivamente não é pouca coisa. / Gotham 1.13 - Welcome Back, Jim Gordon (Estados Unidos, 2015) Direção: Wendey Stanzler / Roteiro: Bruno Heller, Megan Mostyn-Brown / Elenco: Ben McKenzie, Donal Logue, David Mazouz.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

2 comentários:

  1. Terror & Ficção
    Guia de episódios - Gotham
    Todos os direitos reservados.

    ResponderExcluir
  2. Review adicionado: Gotham 1.13 - Gotham 1.13

    ResponderExcluir