sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Guia de Episódios - Penny Dreadful - Segunda Temporada

Penny Dreadful 2.01 - Fresh Hell
Temporada nova, novo arco narrativo. Logo nesse primeiro episódio os monstros que irão surgir são apresentados. São Necromantes, mais popularmente conhecidas como bruxas. O curioso é que o design das criaturas segue bem parecido com os vampiros da primeira temporada, sem pelos no corpo, brancas como a neve e com sede de sangue (não necessariamente nessa ordem). Pode ser uma boa ideia, mas ainda é cedo para avaliar. A primeira cena resume tudo o que está por vir. Vanessa Ives (Eva Green) e Ethan Chandler (Josh Hartnett) estão retornando para a casa durante a madrugada quando são atacados. Durante a fúria do ataque Vanessa começa a falar um idioma desconhecido, que depois descobre-se ser a linguagem dos seres sombrios que habitam a escuridão espiritual. Ótima sequência por sinal. Enquanto ela tenta destruir monstros reais e imaginários, Sir Malcolm Murray (Timothy Dalton) enterra sua querida filha Mina. No cemitério encontra sua ex-esposa e o diálogo é pontuado por ódio, raiva e frustração. Ele fica abalado, mas pronto para retornar a Londres onde pretende enfrentar a nova ameaça que se vislumbra no horizonte. Por fim e não menos importante, nesse episódio o Dr. Victor Frankenstein (Harry Treadaway) resolve atender o pedido de sua criatura e revive uma jovem recentemente falecida (alguém aí lembrou do clássico do terror "A Noiva de Frankenstein" de 1935?). Pois é, os roteiristas dessa série manjam mesmo do universo pop de terror... / Penny Dreadful 2.01 - Fresh Hell (EUA, 2015) Direção: James Hawes / Roteiro: John Logan / Elenco: Timothy Dalton, Eva Green, Harry Treadaway, Josh Hartnett.

Penny Dreadful 2.02 - Verbis Diablo
Depois dos ataques das criaturas necromantes no episódio anterior a equipe liderada por Sir Malcolm Murray (Timothy Dalton) vai atrás de velhos registros arqueológicos para decifrar o Verbis Diablo, uma língua morta, tão velha como o Aramaico falado por Jesus. Lendas antigas afirmam que seria a própria linguagem do anjo caído, Lúcifer, assassino e mentiroso desde o começo dos tempos. O que eles não sabem é que o estranho e afetado Dr. Ferdinand Lyle (Simon Russell Beale), especialista em línguas mortas, está na verdade fazendo o jogo do inimigo. Na outra linha narrativa o Dr. Victor Frankenstein (Harry Treadaway) interage pela primeira vez com sua nova criatura, uma espécie de companheira que ele trouxe do mundo dos mortos para fazer parte da vida de John Clare (Rory Kinnear). Para sua surpresa ela apresenta boa capacidade cognitiva, revelando ter inteligência acima do que era esperado. Para despistar seu passado Victor lhe diz que ela é sua prima, que perdeu sua memória em um acidente e que ele irá lhe ajudar em todo esse processo de recuperação. Aqui temos também o primeiro encontro entre Vanessa Ives (Eva Green) e a criatura do Dr. Frankenstein. Tudo se passa em um abrigo para doentes de cólera. Ives, quem diria, acaba tendo um ótimo diálogo com ele, onde questões de teologia envolvendo paganismo e religião se tornam a tônica da conversa. Finalizando o episódio temos uma das cenas mais chocantes da série até o momento. Algo que não indico para pessoas com estômago fraco. Uma das necromantes cerca um casal em um vagão de trem de Londres. Os pais são mortos e o bebezinho raptado, tudo com o objetivo de usá-lo em rituais de magia negra. Uma violência chocante, não recomendada para pessoas impressionáveis. Pois é, "Penny Dreadful" a cada dia vai ficando cada vez mais perturbadora. / Penny Dreadful 2.02 - Verbis Diablo (EUA, Inglaterra, 2015) Direção: James Hawes / Roteiro: John Logan / Elenco: Timothy Dalton, Eva Green, Harry Treadaway, Simon Russell Beale.

Penny Dreadful 2.03 - The Nightcomers
Mais um ótimo episódio dessa série que nesse nicho de terror e suspense é o que há de melhor na TV americana atualmente. Como se viu nos primeiros episódios dessa segunda temporada o foco todo se mira em uma irmandade de necromantes (bruxas). Aqui os roteiristas aproveitaram para explicar em um longo flashback a ligação existente entre Vanessa Ives (Eva Green) e as vilãs. Assim o espectador é levado para o passado quando Vanessa vai até um lugar remoto e isolado em busca de respostas. Ela viaja até uma casa isolada bem no meio da floresta onde vive uma necromante chamada Joan Clayton (Patti LuPone). Ela está lá para descobrir porque sempre teve visões sombrias, algo que a vem perturbando desde que era uma criança. O encontro das duas é muito bem trabalhado e desenvolvido pelos roteiristas da série, resultando em ótimos diálogos e situações. Com esse episódio tudo vai ficando mais claro, valorizando ainda mais a linha narrativa adotada pela série nessa segunda temporada. Também é mais uma ótima oportunidade para Eva Green brilhar mais uma vez com seu talento, uma vez que o episódio é todo centrado em sua personagem. Ótima direção de arte e fotografia com direito a um final realmente assustador ao velho estilo da inquisição protestante e sua famigerada caça às bruxas. / Penny Dreadful 2.03 - The Nightcomers (EUA, 2014) Direção: Brian Kirk / Roteiro: John Logan / Elenco: Eva Green, Patti LuPone, Helen McCrory.

Penny Dreadful 2.04 - Evil Spirits in Heavenly Places
Se existe uma série que vale muito a pena assistir essa é a da Penny Maldita. Os roteiros são ótimos e a direção de arte é de encher os olhos do espectador. Nesse episódio Penny (ou melhor dizendo, Vanessa) e seu grupo continuam tentando desvendar a mensagem que está espalhada em um grupo de artefatos que pertenceram a um monge no passado. Ao que tudo indica esse religioso acabou sendo possuído por entidades demoníacas que acabaram escrevendo uma verdadeira autobiografia do anjo caído, sim, o próprio Satã! Mas isso é o de menos. Há toda uma complexa rede de bruxas tentando destruir todos eles. Esse episódio tem ótimos efeitos digitais, principalmente na camuflagem delas em relação às paredes da casa de Vanessa Ives (Eva Green). Elas querem acabar com todos os que podem se tornar uma ameaça para sua comunidade de necromantes imundas. E para isso vale tudo, até armadilhas vis. Ethan Chandler (Josh Hartnett) acaba caindo numa delas. Uma das filhas do diabo o engana, se fazendo passar por donzela em apuros. Ela arma uma situação em que quase morre atropelada por uma carruagem. Tudo um mero ardil para que Ethan se aproxime dela e a conheça. No fundo não passa de mais uma besta das fossas infernais. E em uma breve linha narrativa o eternamente jovial Dorian Gray (Reeve Carney) resolve passear com sua nova paixão por Londres, uma travesti. Eles saem e vão jogar ping pong, uma atração exótica da capital inglesa. Achou esquisito e bizarro? Bem-vindo ao mundo de Penny Dreadful! / Penny Dreadful 2.04 - Evil Spirits in Heavenly Places (EUA, 2015) Direção: Damon Thomas / Roteiro: John Logan / Elenco: Reeve Carney, Timothy Dalton, Eva Green.

Penny Dreadful 2.08 - Memento Mori
Um dos melhores episódios da série, com ótimas escolhas em termos de narração e diálogos. É o momento crucial para vários personagens, inclusive para Lily (Billie Piper), que mata pela primeira vez e parece extasiada com a experiência. Dorian Gray (Reeve Carney), por sua vez, tem o seu grande segredo revelado. Para quem não conhece Gray da literatura ele foi um personagem criado pelo maravilhoso escritor Oscar Wilde em seu livro "Picture of Dorian Gray". Ele era um dândi do século XIX que parecia nunca envelhecer. Ao invés dele pagar o preço pelos anos vividos, um quadro escondido em seus aposentos ia revelando a decrepitude de sua velhice e as marcas físicas de sua falta de caráter, além da moralidade inexistente. Na série, Gray, já farto de todos os excessos, acaba tendo um romance com um travesti. Esse, por mero acaso, acaba encontrando o infame quadro o que sela seu destino para sempre. A taça caindo ao chão, se fazendo em pedaços, é apenas uma representação do final de sua própria existência lasciva. Agora, o grande momento do episódio vem com Sir Malcolm Murray (Timothy Dalton). Além de ser revelado a ele a mensagem de todos aqueles artefatos de bruxaria e magia, ele ainda tem um reencontro com seus familiares queridos, sua esposa, seu filho e sua amada filha, Mina. Ele os encontra em uma espécie de transe. A boa notícia é que todos eles estão lá, para lhe abraçar. A má notícia é que eles também estão mortos... / Penny Dreadful 2.08 - Memento Mori (EUA, 2015) Direção: Kari Skogland / Roteiro: John Logan / Elenco: Reeve Carney, Timothy Dalton, Eva Green.

Penny Dreadful 2.10 - And They Were Enemies 
Esse foi o último episódio da segunda temporada. "Penny Dreadful" não é apenas uma bela produção, com excelentes roteiros, mas também uma série que explora muito bem esses personagens do terror clássico. Nesse episódio final Vanessa Ives (Eva Green, cada vez mais intensa) acaba encontrando o próprio anjo caído. Ele se utiliza de uma velha boneca voodu para que Vanessa o adore (e perca sua alma em troca de uma vida normal, feliz, com filhos e marido!). O confronto - mais psicológico do que propriamente físico - rende uma das melhores sequências da série. O curioso é que quando esse episódio foi filmado ainda não se sabia ao certo se a série teria uma terceira temporada, assim tudo vai caminhando para um desfecho conclusivo e final para praticamente todos os personagens. Uma coisa boa de "Penny Dreadful" é que a série vai renovando os ciclos narrativos a cada nova temporada, mantendo porém os mesmos personagens. Assim vamos chegando no clímax para cada um deles. A criatura (que usa o nome de John Clare, interpretado pelo bom ator Rory Kinnear) consegue finalmente escapar do dono do museu de cera que o queria explorar como uma aberração viva para os visitantes. O Dr. Victor Frankenstein (Harry Treadaway) e Sir Malcolm Murray (Timothy Dalton) acabam caindo em uma verdadeira armadilha psicológica, alucinando com seus próprios fantasmas do passado. Como se isso não fosse o bastante o dândi Dorian Gray (Reeve Carney) acaba encontrando a companheira ideal para sua eterna vida de decadência moral. Tudo muito bem realizado e de bom gosto. / Penny Dreadful 2.10 - And They Were Enemies (Estados Unidos, 2015) Direção: Brian Kirk / Roteiro: John Logan / Elenco: Timothy Dalton, Eva Green, Harry Treadaway, Rory Kinnear.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

Um comentário:

  1. Terror & Ficção
    Guia de Episódios - Penny Dreadful
    Todos os direitos reservados.

    ResponderExcluir